sexta-feira, 16 de março de 2012

Fé e meteorologia

Anton Tchékhov

 - Diz o senhor que tem fé - insistiu o diácono. - Que fé é essa a sua? Tenho um tio que é padre e tem tanta fé que, quando há seca e ele sai para os campos a pedir chuva, leva o guarda-chuva e um sobretudo de cabedal para que a chuva não o molhe no caminho de volta. Isso é que é fé! [Anton Tchékhov, O Duelo]