quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Hipótese excêntrica

Xaime Quessada - La guerra (1967)

Se fizermos um mapa dos conflitos que assolam o nosso pobre planeta, o que é que descobrimos? Comum a todas eles é a presença do Islão. Que saída poderá haver para uma civilização biologicamente pujante mas culturalmente falhada? Não vejo outra senão a guerra. A guerra que o Islão traz consigo não deriva tanto da religião como da biologia. Há sempre a possibilidade de interpretar os factos de uma maneira mais ousada, digamos: a natureza revolta-se contra uma cultura que a tem aniquilado e está disposta a pôr o planeta a ferro e fogo. O Islão seria não a voz de Deus, mas a dessa natureza rebelada contra a humanidade. Quantas vezes são as hipóteses excêntricas que iluminam o nosso caminho? (averomundo, 2007/11/04)