sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Cinza de Pedra - 8. O silvo do silêncio na noite

Jaime Burguillos - Ocaso (1976)

8. O silvo do silêncio na noite

O silvo do silêncio na noite
corre
na casa do tempo.
Cruza o mar
levado pelas ondas,
rasga os dias
pela costura do instante,
sorve a vida
na fímbria do momento.

(Cinza de pedra, 1978)