sábado, 28 de janeiro de 2017

Questões religiosas


Para além do desespero que une os participantes da cimeira da Europa Mediterrânica devido às economias dos respectivos países e a diferença que elas apresentam relativamente aos países da Europa central, há algo mais fundamental que pode ajudar a explicar todo este drama do euro e dos chamados mecanismos de convergência - ou de divergência - entre as economias da Europa. Os países da Europa mediterrânica são de origem religiosa católica e ortodoxa, enquanto os países que levantam mais problemas às economias do Sul são de orientação, predominantemente, protestante. Sem perceber como estas diferentes interpretações do cristianismo moldaram e moldam as sociedades e as governações dos respectivos países não perceberemos o drama europeu. A clivagem religiosa, mesmo que não origine guerras como aconteceu na pós-Reforma, continua a traçar, de forma silenciosa e recalcada, diferentes formas de organizar e dirigir as sociedades. O que vemos na fotografia é o retrato do não reformado e, possivelmente, nunca reformável mundo católico e ortodoxo.