quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Alma Pátria - 39: Chinchilas - D. João



Uma visitação ao nosso rock dos anos sessenta e setenta. Esse rock era essencialmente uma manifestação para bailes de Liceu e suave entretenimento de teenagers da classe média, consolidada ou em ascensão. No entanto, começava a penetrar no país uma cultura juvenil ligadas ao uso de alucinogénios. Este D. João, do grupo Chinchilas, data de 1970 e é já um reflexo dessa cultura, ainda em fase de fermentação na metrópole. Em Moçambique, por exemplo, teria já um desenvolvimento diferente. Conta-se, na letra da canção, a história de um drogado, um junkie, na linguagem "técnica" da época, proveniente de boas famílias, como acontecia naquela época, e que se arrasta pelas ruas do Porto. A canção começa assim: No Porto, vi-te morto / com um fato bem barato, /numa esquina muito fina. Como se vê, estava longe de ser pura, naquele tempo tão dado à imaculabilidade, a alma da pátria.