sábado, 3 de abril de 2021

A Garrafa Vazia 55

Francesco Clemente, Time, 1990
Prendo-me ao arame
farpado
da noite, ferido
caminho nas trevas,
escorro o óleo
da vida,
autómato preso
à torpe
fuligem do tempo.

Março de 2021

Sem comentários:

Publicar um comentário