sábado, 17 de outubro de 2015

Livro do Entardecer (18) o filósofo

Antonio Bisquert - Filósofos (1979)

18. o filósofo

ao filósofo cabe-lhe a tarefa do infinito
sobre os seus ombros curvados
repousa a negação de tudo o que acaba
na flor não vê pétalas nem o fruto a vir
apenas a ideia que lá não está

cego pela luz do que não tem fim
caminha nesta terra sem pátria ou lar
e assim vai arguindo o arconte da humanidade –
dissolve os frutos maduros da velha árvore
na névoa invisível do obscuro meditar

(averomundo, 2010/01/13)