domingo, 6 de abril de 2014

Metamorfoses 29 - Era o tempo vivo da dialéctica

Franz Marc - Two Cats (1912)

29. Era o tempo vivo da dialéctica

Era o tempo vivo da dialéctica,
a pequena ficção
anteposta na porta do pensamento.

Os gatos miavam nas noites de cio.
O funesto canto crescia
para a solidão do quarto vazio.

Teses e antíteses defrontavam-se
entre miados e gritos
e nas mãos definhavam-me sínteses.